Home » Corpo » Como o Kickboxing Pode Mudar Seu Corpo e Sua Vida
Corpo
Como o Kickboxing Pode Mudar Seu Corpo e Sua Vida

Pra quem deseja melhorar seu equilíbrio, força e agilidade, o kickboxing é o rei dos exercícios!
 

Diferente dos outros tipos de exercício, o kickboxing valoriza a potência dos movimentos. Então, além de aprender técnicas para defesa pessoal, o kickboxing colabora com a perda de peso e fortalecimento dos músculos. 💪
 
O treino de kickboxing costuma envolver pequenos ataques, de 2 a 3 minutos de duração, de movimentos repetitivos e intensos – como acertar um saco de areia sem parar e chutar ou dar joelhadas um escudo que alguém esta segurando. Misturando movimentos aeróbicos que trabalham todo o corpo.
 
As partes do corpo mais trabalhadas são, em geral, pernas, braços, ombros e glúteos, mas com um foco maior no abdômem. Os movimentos envolvem rotação de tronco, que ativa a região do transverso, músculo responsável pelo contorno da cintura, focando assim na área mais desejada: a barriga de tanquinho 😎
 
Saiba mais:
 
A principal vantagem do kickboxing em relação aos abdominais tradicionais é que o exercício em pé obriga a trabalhar a estabilização do corpo. Outro ponto positivo é o dinamismo da atividade e o gingado da luta, que aumenta a queima calórica, ajuda a enxugar as gordurinhas e, assim, acelera a definição do abdômem.
 

Benefícios de Praticar o Kickboxing

 
• Maior aptidão física
 
O treino de kickboxing exige bastante do nosso corpo, por se tratar de esforços intensos e repetitivos. Fazendo com que o nosso condicionamento físico seja melhorado gradativamente, conforme praticamos a arte marcial.
 
• Flexibilidade
 
Por conta dos alongamentos e treinos, a realização de movimentos com boas amplitudes torna-se mais fácil, sem dificuldades ou limitações por músculos encurtados ou articulações travadas. Os chutes dados ao longo do treino também ajudam na construção da flexibilidade.
 
• Tonificação Muscular
 
Com o kickboxing, diversos músculos são trabalhados ao mesmo tempo. Portanto, como ao longo das aulas se desenvolvem diversos chutes e socos, se ganha um excelente desenvolvimento para os membros inferiores, glúteos, abdômen e região lombar.
 
• Coordenação Motora
 
O exercício mental exigido também é grande. Por exemplo, muitas vezes são realizados socos com o braço não dominante, ou bloqueio de chutes com a perna mais fraca, sem perder o equilíbrio. Tudo isso exige uma grande concentração e por isso trabalha o cérebro.
 
• Alívio do Estresse
 
Dar socos e chutes por pouco mais de uma hora pode ajudar a liberar a raiva e a frustração acumuladas no dia a dia. Além disso, assim como ocorre com outros exercícios, o kickboxing libera a endorfina, um neurotransmissor que traz a sensação de prazer e bem-estar.
 
• Melhoria da Circulação
 
O kickboxing altera a frequência cardíaca de modo que a circulação de sangue pelo organismo aumente.
 
• Promove o equilíbrio
 
Dar chutes com apenas um dos pés por certo tempo faz com que o equilíbrio e a estabilidade cresçam.
 
 

Dicas Para Quem Deseja Praticar Kickboxing

 
Antes de tudo, faça uma avaliação médica e descubra se você está realmente apto a praticar a luta.
Se você for uma pessoa muito sedentária, talvez não seja o melhor momento, e a saída mais apropriada pode ser começar com uma atividade mais leve e quando aumentar o nível de condicionamento físico, passar para o kickboxing.
 
Também é aconselhado matricular-se em uma boa academia e ter aulas com um instrutor qualificado, que possa te ensinar as técnicas corretas e caso necessário, te corrigir se você fizer algo errado – o que reduz as chances de lesão.
 
O ideal é que a prática aconteça de três a quatro vezes por semana. E, de preferência, que seja aliada a outras atividades, como a musculação, que ajuda no ganho de massa magra e fortalece a musculatura, já que a luta é de alto impacto, tornando os resultados mais eficazes.
 
 
Fontes:
 
Compartilhe!

PLAYLIST
POSTS MAIS LIDOS
Como o Kickboxing Pode Mudar Seu Corpo e Sua Vida
Pra quem deseja melhorar seu equilíbrio, força e agilidade, o kickboxing é o rei dos exercícios!
 

Diferente dos outros tipos de exercício, o kickboxing valoriza a potência dos movimentos. Então, além de aprender técnicas para defesa pessoal, o kickboxing colabora com a perda de peso e fortalecimento dos músculos. 💪
 
O treino de kickboxing costuma envolver pequenos ataques, de 2 a 3 minutos de duração, de movimentos repetitivos e intensos – como acertar um saco de areia sem parar e chutar ou dar joelhadas um escudo que alguém esta segurando. Misturando movimentos aeróbicos que trabalham todo o corpo.
 
As partes do corpo mais trabalhadas são, em geral, pernas, braços, ombros e glúteos, mas com um foco maior no abdômem. Os movimentos envolvem rotação de tronco, que ativa a região do transverso, músculo responsável pelo contorno da cintura, focando assim na área mais desejada: a barriga de tanquinho 😎
 
Saiba mais:
 
A principal vantagem do kickboxing em relação aos abdominais tradicionais é que o exercício em pé obriga a trabalhar a estabilização do corpo. Outro ponto positivo é o dinamismo da atividade e o gingado da luta, que aumenta a queima calórica, ajuda a enxugar as gordurinhas e, assim, acelera a definição do abdômem.
 

Benefícios de Praticar o Kickboxing

 
• Maior aptidão física
 
O treino de kickboxing exige bastante do nosso corpo, por se tratar de esforços intensos e repetitivos. Fazendo com que o nosso condicionamento físico seja melhorado gradativamente, conforme praticamos a arte marcial.
 
• Flexibilidade
 
Por conta dos alongamentos e treinos, a realização de movimentos com boas amplitudes torna-se mais fácil, sem dificuldades ou limitações por músculos encurtados ou articulações travadas. Os chutes dados ao longo do treino também ajudam na construção da flexibilidade.
 
• Tonificação Muscular
 
Com o kickboxing, diversos músculos são trabalhados ao mesmo tempo. Portanto, como ao longo das aulas se desenvolvem diversos chutes e socos, se ganha um excelente desenvolvimento para os membros inferiores, glúteos, abdômen e região lombar.
 
• Coordenação Motora
 
O exercício mental exigido também é grande. Por exemplo, muitas vezes são realizados socos com o braço não dominante, ou bloqueio de chutes com a perna mais fraca, sem perder o equilíbrio. Tudo isso exige uma grande concentração e por isso trabalha o cérebro.
 
• Alívio do Estresse
 
Dar socos e chutes por pouco mais de uma hora pode ajudar a liberar a raiva e a frustração acumuladas no dia a dia. Além disso, assim como ocorre com outros exercícios, o kickboxing libera a endorfina, um neurotransmissor que traz a sensação de prazer e bem-estar.
 
• Melhoria da Circulação
 
O kickboxing altera a frequência cardíaca de modo que a circulação de sangue pelo organismo aumente.
 
• Promove o equilíbrio
 
Dar chutes com apenas um dos pés por certo tempo faz com que o equilíbrio e a estabilidade cresçam.
 
 

Dicas Para Quem Deseja Praticar Kickboxing

 
Antes de tudo, faça uma avaliação médica e descubra se você está realmente apto a praticar a luta.
Se você for uma pessoa muito sedentária, talvez não seja o melhor momento, e a saída mais apropriada pode ser começar com uma atividade mais leve e quando aumentar o nível de condicionamento físico, passar para o kickboxing.
 
Também é aconselhado matricular-se em uma boa academia e ter aulas com um instrutor qualificado, que possa te ensinar as técnicas corretas e caso necessário, te corrigir se você fizer algo errado – o que reduz as chances de lesão.
 
O ideal é que a prática aconteça de três a quatro vezes por semana. E, de preferência, que seja aliada a outras atividades, como a musculação, que ajuda no ganho de massa magra e fortalece a musculatura, já que a luta é de alto impacto, tornando os resultados mais eficazes.
 
 
Fontes:
 
Compartilhe!

SIGA NAS REDES SOCIAIS
INSTAGRAM