Home » Corpo » É possível engravidar tomando anticoncepcional?
Corpo
É possível engravidar tomando anticoncepcional?

Toda mulher corre o risco de engravidar, mesmo tomando o anticoncepcional regularmente porque os anticoncepcionais apenas têm uma eficácia de cerca de 98%.

Além disso, o uso de antibióticos ou de outros remédios pode diminuir a eficácia da pílula anticoncepcional, aumentando o risco de gravidez.

Esquecimentos inferiores a 12 horas podem influenciar na eficácia da pílula anticoncepcional de forma muito pequena, praticamente não alterando sua eficiência contra a gravidez. Esquecimentos superiores a 12 horas podem influenciar de forma um pouco mais significativa a eficácia da pílula anticoncepcional.

Outras situações que podem limitar a eficácia da pílula anticoncepcional e proporcionar uma gravidez são:

  • Trocar de anticoncepcional e não usar preservativo nas 2 primeiras semanas. 
  • Ter episódios de diarreia ou vômito nas 3 a 4 horas após tomar a pílula anticoncepcional. Neste caso, deve-se tomar uma nova pílula ou usar preservativo;
  • Esquecer de tomar o anticoncepcional sempre na mesma hora;

Além disso, a pílula tem 1% de falha e por isso, é possível engravidar mesmo tomando a pílula anticoncepcional corretamente durante todos os meses, mas isto não acontece com frequência.

A troca do anticoncepcional pode proporcionar a gravidez quando a mulher passa a tomar um novo medicamento com outro principio ativo de ação, ou seja se ela tomava um medicamento a base de estrogênio e passa a tomar um a base de progesterona pode haver uma demora na adaptação do corpo ao novo medicamento e assim fazer abrir uma janela fértil e a mulher engravidar tomando anticoncepcional mesmo que tomado em dia e hora correta.

Quem toma o anticoncepcional corretamente pode notar alguma alteração nos dias que antecedem a menstruação, como mamas doloridas, maior irritabilidade e inchaço corporal, que são conhecidos como tensão pré-menstrual a famosa TPM, mas estes sintomas são mais suaves do que se a mulher não tomar a pílula anticoncepcional.

​Quem toma anticoncepcional  todos os dias, sempre no mesmo horário, não tem período fértil e portanto não ovula, diminuindo a chance de engravidar, porque como não há óvulo maduro, este não pode ser fecundado. Isso ocorre tanto nos anticoncepcionais de 21, 24 ou 28 dias, e também no implante anticoncepcional.

O ideal é consultar o seu médico sobre qual é o melhor anticoncepcional para o seu corpo e que efeitos bons e ruins pode trazer! 😉


 

Compartilhe!

PLAYLIST
POSTS MAIS LIDOS
É possível engravidar tomando anticoncepcional?

Toda mulher corre o risco de engravidar, mesmo tomando o anticoncepcional regularmente porque os anticoncepcionais apenas têm uma eficácia de cerca de 98%.

Além disso, o uso de antibióticos ou de outros remédios pode diminuir a eficácia da pílula anticoncepcional, aumentando o risco de gravidez.

Esquecimentos inferiores a 12 horas podem influenciar na eficácia da pílula anticoncepcional de forma muito pequena, praticamente não alterando sua eficiência contra a gravidez. Esquecimentos superiores a 12 horas podem influenciar de forma um pouco mais significativa a eficácia da pílula anticoncepcional.

Outras situações que podem limitar a eficácia da pílula anticoncepcional e proporcionar uma gravidez são:

  • Trocar de anticoncepcional e não usar preservativo nas 2 primeiras semanas. 
  • Ter episódios de diarreia ou vômito nas 3 a 4 horas após tomar a pílula anticoncepcional. Neste caso, deve-se tomar uma nova pílula ou usar preservativo;
  • Esquecer de tomar o anticoncepcional sempre na mesma hora;

Além disso, a pílula tem 1% de falha e por isso, é possível engravidar mesmo tomando a pílula anticoncepcional corretamente durante todos os meses, mas isto não acontece com frequência.

A troca do anticoncepcional pode proporcionar a gravidez quando a mulher passa a tomar um novo medicamento com outro principio ativo de ação, ou seja se ela tomava um medicamento a base de estrogênio e passa a tomar um a base de progesterona pode haver uma demora na adaptação do corpo ao novo medicamento e assim fazer abrir uma janela fértil e a mulher engravidar tomando anticoncepcional mesmo que tomado em dia e hora correta.

Quem toma o anticoncepcional corretamente pode notar alguma alteração nos dias que antecedem a menstruação, como mamas doloridas, maior irritabilidade e inchaço corporal, que são conhecidos como tensão pré-menstrual a famosa TPM, mas estes sintomas são mais suaves do que se a mulher não tomar a pílula anticoncepcional.

​Quem toma anticoncepcional  todos os dias, sempre no mesmo horário, não tem período fértil e portanto não ovula, diminuindo a chance de engravidar, porque como não há óvulo maduro, este não pode ser fecundado. Isso ocorre tanto nos anticoncepcionais de 21, 24 ou 28 dias, e também no implante anticoncepcional.

O ideal é consultar o seu médico sobre qual é o melhor anticoncepcional para o seu corpo e que efeitos bons e ruins pode trazer! 😉


 

Compartilhe!

SIGA NAS REDES SOCIAIS
INSTAGRAM