Home » Corpo » Treino Funcional, a nova forma de se exercitar
Corpo
Treino Funcional, a nova forma de se exercitar

Quase todo mundo quer estar em forma, com um corpo bonito e saudável. E o Treino Funcional (TF) tem ficado cada dia mais famoso em nosso meio, sendo uma boa opção para quem quer melhorar a capacidade funcional do corpo ou o rendimento esportivo e até mesmo para reabilitação. Além de tonificar a musculatura corporal, há um gasto energético grande, contribuindo para o emagrecimento! Para atrair um público variado, com vários níveis de aptidão física, clubes e academias têm investido pesado do TF.

O que é Treino Funcional?

TF é um tipo de treinamento neuromotor, que visa aprimorar a funcionalidade do corpo de acordo com o que a pessoa precisa. É baseado nas ações motoras próprias do indivíduo (como marchar, manter a postura, puxar, empurrar, levantar, agachar, rodar, etc.) e em ações relacionadas ao sistema nervoso (como equilíbrio estático e dinâmico, sinestesia, propriocepção, agilidade, entre outras). Além de queimar calorias e fortalecer o corpo, melhora a resistência, velocidade, potência, concentração, orientação, ritmo, adaptação a variações e controle corporal. Esse tipo de treino engloba capacidades físicas distintas de forma integrada e equilibrada, melhorando o desempenho de atividades cotidianas e a capacidade física. O foco é misturar várias atividades em um exercício só. Ao invés de se treinar os músculos ou grupos musculares separadamente, são treinados os movimentos, a flexibilidade, a força, o equilíbrio, a coordenação motora e o sistema cardiorrespiratório, tudo junto! Contudo, o TF apresenta um risco maior de lesões do que se você estivesse malhando um músculo por vez! Isso por que ele é de maior complexidade e exige que a pessoa esteja bem focada no que está fazendo. Devido a este risco, o método não é indicado para quem é previamente sedentário. O ideal é iniciar um preparo físico com exercícios mais simples antes de se aventurar no treino funcional. Além disso, é sempre importante estar sob supervisão de um educador físico na hora de realizar o exercício.

Como praticar o TF?

No TF, a carga é o peso do corpo da pessoa. No entanto, existem vários instrumentos que podem auxiliar na hora de treinar, como bola suíça, kettlebell, bosu, cinto de tração, faixa elástica, mini trampolim, corda, cabo de suspensão, barra, saco de areia, medicine ball, caneleira, bastão, cone, halter, plataforma de equilíbrio, balance disc e muitos outros. Muitas pessoas associam o TF com utilização apenas de bases instáveis, porém, apesar desses equipamentos serem realmente muito úteis, eles treinam basicamente só o equilíbrio. Qualquer série específica pra você pode ser chamada de treino funcional. O que está muito famoso hoje em dia é a chamada “atividade suspensa”. Essa modalidade garante um trabalho muscular extremamente intenso, pois os movimentos ocorrem no ar, com o peso do corpo da pessoa. O também famoso “beach training” é composto por uma série de exercícios na areia, principalmente corrida e deslocamento entre cones.

Dicas de exercícios para se fazer ao ar livre

A enorme variedade de exercícios é um dos pontos mais fortes do TF. Nada de monotonia, o treino é sempre dinâmico! Flexões, saltos, agachamentos, giros, abdominais, circuitos e muitas outras atividades podem fazer parte do seu treino. Separamos algumas dicas de exercícios que você pode fazer ao ar livre. Alguns vídeos estão em inglês, mas isso não importa! O importante é você veja como são feitos os movimentos. 1)      Agachamento com medicine ball 2)      Extensão de quadril com halteres 3)      Alcance Diagonal com medicine ball 4)      Flexão com extensão de quadril 5)      Rotação do tronco com medicine ball 6)      Ponte supina com extensão de pernas (também pode ser extensão de braços) 7)      Prancha dinâmica Vários outros vídeos estão disponíveis na internet, basta procurar! Mas o ideal é que você tenha um educador físico por perto para te orientar. E lembre-se sempre de usar roupas, calçados e acessórios adequados para a prática de exercícios físicos, afim de promover maior conforto e evitar lesões durante o treino. Em nossa loja virtual você encontra uma linha fitness completa, basta clicar aqui. Gostou do post? Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário!

Compartilhe!

PLAYLIST
POSTS MAIS LIDOS
Treino Funcional, a nova forma de se exercitar
Quase todo mundo quer estar em forma, com um corpo bonito e saudável. E o Treino Funcional (TF) tem ficado cada dia mais famoso em nosso meio, sendo uma boa opção para quem quer melhorar a capacidade funcional do corpo ou o rendimento esportivo e até mesmo para reabilitação. Além de tonificar a musculatura corporal, há um gasto energético grande, contribuindo para o emagrecimento! Para atrair um público variado, com vários níveis de aptidão física, clubes e academias têm investido pesado do TF.

O que é Treino Funcional?

TF é um tipo de treinamento neuromotor, que visa aprimorar a funcionalidade do corpo de acordo com o que a pessoa precisa. É baseado nas ações motoras próprias do indivíduo (como marchar, manter a postura, puxar, empurrar, levantar, agachar, rodar, etc.) e em ações relacionadas ao sistema nervoso (como equilíbrio estático e dinâmico, sinestesia, propriocepção, agilidade, entre outras). Além de queimar calorias e fortalecer o corpo, melhora a resistência, velocidade, potência, concentração, orientação, ritmo, adaptação a variações e controle corporal. Esse tipo de treino engloba capacidades físicas distintas de forma integrada e equilibrada, melhorando o desempenho de atividades cotidianas e a capacidade física. O foco é misturar várias atividades em um exercício só. Ao invés de se treinar os músculos ou grupos musculares separadamente, são treinados os movimentos, a flexibilidade, a força, o equilíbrio, a coordenação motora e o sistema cardiorrespiratório, tudo junto! Contudo, o TF apresenta um risco maior de lesões do que se você estivesse malhando um músculo por vez! Isso por que ele é de maior complexidade e exige que a pessoa esteja bem focada no que está fazendo. Devido a este risco, o método não é indicado para quem é previamente sedentário. O ideal é iniciar um preparo físico com exercícios mais simples antes de se aventurar no treino funcional. Além disso, é sempre importante estar sob supervisão de um educador físico na hora de realizar o exercício.

Como praticar o TF?

No TF, a carga é o peso do corpo da pessoa. No entanto, existem vários instrumentos que podem auxiliar na hora de treinar, como bola suíça, kettlebell, bosu, cinto de tração, faixa elástica, mini trampolim, corda, cabo de suspensão, barra, saco de areia, medicine ball, caneleira, bastão, cone, halter, plataforma de equilíbrio, balance disc e muitos outros. Muitas pessoas associam o TF com utilização apenas de bases instáveis, porém, apesar desses equipamentos serem realmente muito úteis, eles treinam basicamente só o equilíbrio. Qualquer série específica pra você pode ser chamada de treino funcional. O que está muito famoso hoje em dia é a chamada “atividade suspensa”. Essa modalidade garante um trabalho muscular extremamente intenso, pois os movimentos ocorrem no ar, com o peso do corpo da pessoa. O também famoso “beach training” é composto por uma série de exercícios na areia, principalmente corrida e deslocamento entre cones.

Dicas de exercícios para se fazer ao ar livre

A enorme variedade de exercícios é um dos pontos mais fortes do TF. Nada de monotonia, o treino é sempre dinâmico! Flexões, saltos, agachamentos, giros, abdominais, circuitos e muitas outras atividades podem fazer parte do seu treino. Separamos algumas dicas de exercícios que você pode fazer ao ar livre. Alguns vídeos estão em inglês, mas isso não importa! O importante é você veja como são feitos os movimentos. 1)      Agachamento com medicine ball 2)      Extensão de quadril com halteres 3)      Alcance Diagonal com medicine ball 4)      Flexão com extensão de quadril 5)      Rotação do tronco com medicine ball 6)      Ponte supina com extensão de pernas (também pode ser extensão de braços) 7)      Prancha dinâmica Vários outros vídeos estão disponíveis na internet, basta procurar! Mas o ideal é que você tenha um educador físico por perto para te orientar. E lembre-se sempre de usar roupas, calçados e acessórios adequados para a prática de exercícios físicos, afim de promover maior conforto e evitar lesões durante o treino. Em nossa loja virtual você encontra uma linha fitness completa, basta clicar aqui. Gostou do post? Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário!

Compartilhe!
SIGA NAS REDES SOCIAIS
INSTAGRAM